O “Diário” do evento

Como anunciado, o Diário de Lisboa esteve presente no evento. O Artur respondeu ao nosso convite com bastante simpatia, fez as suas fotos do costume, e também umas que eu lhe pedi. Essas ficam para depois – para já, e como é hábito, partilho algumas das fotos que ele já publicou:

 

 

 

 

 

 

Obrigado Artur!

(no facebook, há ainda uma outra galeria com mais fotos)

5 Respostas a “O “Diário” do evento

  1. helder pimenta diz:

    Algumas muito bem vestidas, sim senhor, outras porém estranhas “aves raras”, ehehehehe…, mais do que promover o uso da bicicleta, noto que algumas pessoas, especialmente as raparigas, aproveitam este evento para se pavonearem e vale tudo na tentativa de aparecer nas fotos!!! atenção, nada contra! … eheheheh 😉

  2. João diz:

    É sem dúvida um bom evento de promoção da utilização da bicicleta na cidade e não me espantaria nada se alguns dos peões ou automobilistas que viram o cortejo passar fossem em breve arranjar uma máquina com pedais ou voltassem a dar uso à que teem neglegenciada algures.
    No entanto, para alguns participantes como eu (e como o helder pimenta oa que parece) não deixa de haver a triste constatação de que na comunidade cicloturista ou commuter lisboeta há infelizmente uma bela dose de triste cagança.
    Recordo (mal) uma frase que escutei quando era miúdo, patente numa gravação ao vivo dos pearl jam em que alguém na plateia acabara de fazer uma porcaria qualquer e à qual o eddie vedder respondeu dizendo algo como “quando algo começa a correr bem, é só uma questão de tempo até os freaks aparecerem”

  3. João diz:

    negligenciada 🙂

Deixar uma resposta